Tendência 2017: Azul, “o queridinho do momento”.

Para muitas pessoas o azul não chega a ser uma opção ao pensar nas cores para decorar um ambiente. Mas o que muita gente não sabe é que, além de ser uma forte tendência para 2017, o azul é uma cor coringa, pois combina de várias formas e com diferentes tipos de cores sem perder seu poder.


Tons claros ou escuros, o azul pode compor uma decoração clássica ou contemporânea. Vai da sala para o quarto, chegando até o jardim, sem ficar cansativo pois acima de tudo transmite serenidade.


E você, com qual tom de azul mais se identifica?


Confira alguns projetos em que usamos e abusamos dessa cor tão linda:


O quarto do rapaz ganhou identidade com a utilização do azul na marcenaria, nos tecidos e quadros. Em combinação com tons de cinza o ambiente mantém seu aspecto sóbrio.

Nessa suíte contemporânea a inserção de uma peça clássica faz a mistura de estilos. Com acabamento em laca no tom azul escuro, o clássico deixa o status tradicional para ser mais atual e marcante.

Esse ambiente de estar e jantar, integrado à cozinha, ganhou pinceladas de azul nos nichos da marcenaria, em combinação com vermelho, cinza e acabamentos madeirados, uma combinação certa!

Azul e laranja, por que não? As duas cores são complementares e harmonizam muito bem o ambiente, com a serenidade do azul e a energia do laranja.

Em ambientes externos o azul é uma ótima pedida. Usado em tecidos listrados deixa ainda mais marcante a referência náutica, e pode ser combinado com amarelo, vermelho, laranja ou qualquer outra cor quente.


O cobre já é tendência há alguns anos e continuará firme nas peças de decoração e acabamentos de produtos. A combinação com azul mais escuro agrega sofisticação e elegância ao ambiente.

O azul pode estar presente em diferentes tipos de acabamento. No papel de parede, na marcenaria, e para quem não quer arriscar muito, no jogo de cama. Enjoou, trocou. O uso de cores mais claras destaca e realça o poder do azul.


Marcadores
Matérias recentes