Dicas para escolher a mesa de jantar.

 

 

Muitas vezes ela é o centro das atenções, na mesa de jantar é onde você vai compartilhar ótimos momentos e deliciosas refeições com pessoas importantes da sua vida. Ela pode passar muito da personalidade do morador e ser feita de diferentes materiais.

Você sabe qual é o melhor modelo para o seu ambiente? 
Confira 6 dicas importantes para levar em consideração na hora da escolha.

1. ESPAÇO DE CIRCULAÇÃO

A circulação mínima a ser deixada em volta da mesa é de 90 centímetros contando da mesa até a parede, espaço também mínimo para a pessoa puxar a cadeira para sentar-se.

2. POSICIONAMENTO

Hoje em dia, grande parte dos imóveis têm os dois ambientes da sala integrados, o que dá mais sensação de amplitude. A mesa poderá ser posicionada no canto, no centro do ambiente, ou até mesmo encostada à parede. Isso depende do layout da sua casa e da proposta que o arquiteto desenvolveu.

3. QUADRADA OU REDONDA?

No caso de modelos redondos, atenção redobrada. Esse tipo de mesa demanda muito espaço de circulação, ocupando um espaço importante principalmente em ambientes pequenos, onde recomenda-se o uso das quadradas, ou as retangulares, pela possibilidade de encostá-la à parede. 
Já se a mesa ficará "solta" no ambiente, o modelo redondo é a mais indicada para facilitar a circulação em volta, quando há pouco espaço disponível ou móveis muito próximos. As mesas quadradas demandam maior espaço em volta, devido as quinas.


4. MATERIAL

Existem diversos materiais para sua mesa. Pense na praticidade na hora da escolha, pois você vai usar para todo tipo de ocasião, desde um almoço sozinho até um jantar com a família toda. Tampos de vidro são muito indicados para dar leveza e não bloquear visualmente. Há também as de vidro colorido, super descoladas e de fácil limpeza. Acabamentos modernos como a pintura em laca também ficam bem bacanas para quem quer optar por um móvel colorido e que tenha bastante função decorativa, pois são mais sensíveis a riscos. Mesas em pedra são práticas e elegantes, porém há quem ache que são muito frias. Na dúvida, a de madeira é o clássico que nunca sai de moda e é muito prática também. Para quem quer mais personalidade, as mesas de madeira de demolição estão super em alta e, mesmo que custem um pouquinho mais, são certas para durarem por muitos e muitos anos

5. LUGARES

A mesa de jantar nunca deve ser pensada exclusivamente para quem mora na casa ou no apartamento. Pensando em um casal ou um apartamento de solteiro, uma mesa de quatro lugares já supre bem as necessidades. Já uma família de 4 pessoas exige pelo menos uma mesa de seis lugares. 

6. CADEIRAS

Tenha em mente de que cadeiras sem braços são as melhores opções para quem não tem espaço a ser desperdiçado. Se não há espaço, os braços podem limitar o movimento das pessoas. Já está ultrapassada a ideia de que cadeiras e mesa precisam ser da mesma cor, do mesmo material. Para mesas retangulares uma ótima opção é usar cadeiras com braços ou de modelos diferentes nas cabeceiras. Quem quiser um pouco mais de descontração no ambiente pode usar cada cadeira de uma cor, estilos e materiais diferentes. O que vale é a criatividade! Em espaços pequenos, uma boa pedida para ganhar assentos é optar por cadeiras de um lado e banco do outro.

Marcadores:

Please reload

Please reload

Please reload

Marcadores
Matérias recentes